Arquivo de etiquetas: carreira

Carreira da Carris 798 e 796

Relato dos percursos das carreiras da Carris “798″ e “796”

Num Sábado nebulado, 5 de Julho de 2014 às 09h00, 5 participantes percorreram, a correr, os décimo terceiro e décimo quarto percursos do “corredor do BUS”, os das carreiras da Carris “798″ e “796”. Estas carreira, com cerca de 14.000 metros no seu conjunto, ligam o Campo Grande às Galinheiras, e volta, e foram percorridas no sentido ascendente (798) e descendente (796).

Continuar a ler

Notas finais para os participantes na carreira da Carris “728”.

Caros participantes no percurso da carreira da Carris “728”, deixo-vos algumas notas finais.

Prevê-se um dia quente e com sol, o uso de chapéu é aconselhado, bem como roupa leve e transpirável. Não esquecer também de colocar protector solar.

Neste percurso, vamos ter, um “carro de apoio”, particular, a acompanhar o trajecto. Assim, os participantes poderão deixar na viatura, no início do percurso (Restelo) um saco (pequeno) com água ou outras bebidas que pretendam utilizar durante o percurso, alguma comida, t-shirt seca para usar no final, o que seja, desde que não seja um ser vivo nem ilegal.

O carro de apoio irá encontrar-se com o grupo nos quilómetros (aproximadamente):
– 0 (Restelo, início do percurso);
– 5 (Perto do Centro de Congressos de Lisboa, antiga FIL);
– 10 (Perto da Casa dos Bicos);
– 15 (Praça 25 de Abril);
– 20 (entrada de Moscavide);
– 22 (Portela de Sacavém, final do percurso);

O corredor do BUS não se responsabiliza pela integridade dos sacos, e respectivos conteúdos, deixados no “carro de apoio”.

Pede-se então a todos que cheguem atempadamente ao ponto de encontro, de forma a acondicionar o que for necessário na viatura, e o arranque ser às 17h00 pontuais.

Lisboa (In)Acessível presente na carreira da Carris “728”

Lisboa In(Acessível)No próximo dia 19 de Julho de 2014 às 17h00, o corredor do BUS vai realizar o percurso da carreira da Carris “728” entre o Restelo e a Portela de Sacavém.

Como é sabido, um dos objectivos do projecto corredor do BUS é apontar problemas relacionados com acessibilidade nas cidades, sejam eles relacionados com estacionamento, degradação da via, má sinalização, entre outros.

Assim, e após conversações entre o corredor do BUS e o grupo Lisboa (In)Acessível, anunciamos, com muito prazer, que estará presente nesse percurso pelo menos um participante de mobilidade reduzida, a correr também (à sua maneira) é claro. O Helder Mestre vai-se juntar ao corredor do BUS neste percurso, com a sua cadeira de rodas (ou handbike), bem como com toda a sua garra e força, pois embora sendo o percurso relativamente plano, sempre são mais de 20km.

Assim, no final, ficaremos com duas perspectivas, vistas de dois ângulos diferentes, sobre o mesmo percurso. As organizadoras do Lisboa (In)Acessível estarão presentes também no início e no final do percurso, e estão disponíveis é claro, para a troca de impressões acerca da acessibilidade na cidade, e falta dela.

E tu, vais-te juntar a nós neste dia? A pé, de cadeira de rodas ou de handbike, em frente é que é o caminho, aparece!

O grupo da Carreira 758 da Carris

Relato do percurso da carreira da Carris “758″

No dia de Santo António, 13 de Junho de 2014 às 09h00, 11 participantes percorreram, a correr, o décimo primeiro percurso do  “corredor do BUS”, o da carreira da Carris “758″. Esta carreira, com cerca de 11.000 metros, liga o Cais do Sodré às Portas de Benfica, e foi percorrida no sentido ascendente.

Continuar a ler